Casamento de Rubião com Rosa tem envenenamento, atentado e condenações

377


Vejam só que festa de arromba a do casamento de Rubião (Mateus Solano) com Rosa (Andreia Horta): além da morte de Branca (Nathalia Dill), envenenada por um descuido dela mesma, a comemoração pelo principal enlace de “Liberdade, liberdade” vai ter a tentativa de assassinato do príncipe regente D. João VI (Beto Vandesteen) e, por consequência, a prisão do Duque de Ega (Gabriel Braga Nunes) e de Alexandra (Juliana Carneiro da Cunha), que planejaram tudo. Para completar, o noivo ainda sai como super-herói.

Alertado por Rosa, Rubião flagra Guilhermo (Ramón Gonçalves) tentando desferir um golpe de punhal em D. João. Seus soldados conseguem deter o escudeiro de Ega, que tenta fugir, sorrateiramente, enquanto Rubião grita: “Este assassino agiu a mando do Duque de Ega. Foi uma conspiração e eu tenho provas! O senhor está preso pelo pior dos crimes: o regicídio”. Alexandra também tenta se esconder, mas recebe voz de prisão do intendente. Carlota Joaquina (Susana Ribeiro), por sua vez, assiste a tudo, trêmula.

Guilhermo tenta atingir D. João VI com um punhal, enquanto o príncipe regente conversa com Alexandra Foto: Felipe Monteiro/Gshow

— Rubião vai além das vaidades. Ele quer demonstrar controle, superioridade. Depois de todas as ameças de Ega, encontra o momento perfeito para punir o homem e sua comparsa, Alexandra, e para dar ao povo de Vila Rica o enforcamento que tanto buscou. Além disso, ainda ganha pontos com D. João — comenta Mário Teixeira, autor da novela das 11.

A dupla permanece atrás das grades enquanto Rosa e Rubião viajam para o Rio em lua de mel. Na volta a Vila Rica, o intendente arma todo o circo para o enforcamento de Ega e Alexandra em praça pública: “Estão ambos exatamente onde merecem estar. Conspiradores covardes e, pior, incompetentes. E daqui irão para o sítio ainda mais adequado: o patíbulo (forca)”.

— Rubião se coloca acima de tudo e de todos. Tem a posição de poder e a confiança reforçadas pela maior autoridade da Colônia. Além disso, está casado com Joaquina. Ele conseguiu tudo que sempre quis — afirma Mário.

O atentado cria um alvoroço na festa de casamento
O atentado cria um alvoroço na festa de casamento Foto: Felipe Monteiro/Gshow

Um mar revolto

Cheio de si por seu grande feito junto à Coroa, Rubião vai sentir um baque ainda essa semana em “Liberdade, liberdade”, quando souber que sua mulher tentou fugir com Xavier (Bruno Ferrari). Ele consegue prender seu rival e ordena que Anita (Joana Solnado) vigie Rosa todo o tempo.

Mais tarde, o vilão fica ainda mais furioso ao descobrir que a mulher que tanto deseja é filha de Tiradentes (Thiago Lacerda). Além de planejar executar Xavier, Rubião ameaça Rosa.

— Há um descontrole de Rubião, mas ainda não sei exatamente como isso vai se dar. Ele é misterioso demais, inclusive para mim. Esse mar furioso que cria ondas e move mundos para ter o que quer de repente fica sereno, e nada mais perigoso do que isso. Ele entra numa psicopatia em relação à mulher que “ama” — adianta o ator Mateus Solano.

Rubião (Mateus Solano) e Tolentino (Ricardo Pereira) acompanham, satisfeitos, o enforcamento
Rubião (Mateus Solano) e Tolentino (Ricardo Pereira) acompanham, satisfeitos, o enforcamento Foto: Caiuá Franco/Rede Globo/Divulgação


Sobre Casamento de Rubião com Rosa tem envenenamento, atentado e condenações

Fonte:Extra / Leia mais clicando aqui
Todos os direitos reservados ao Jornal EXTRA