Vulnerável … RICARDO SANTOS DE SOUZA

50

Vulnerável

Vulnerável
Enquanto durmo a tranquilidade serena e sadia dos meus sentimentos volta a ser testada, revelando a fragilidade causada pelas recordações e as saudades da minha existência no passado. São tantas lembranças das minhas relações afetivas, dos meus momentos de prazer e conquistas sendo expostos como a força de um forte vendaval, neste turbilhão de revelações me permito voltar a dias magníficos e simplesmente sou tomado pelo desejo de materializar cada vez mais as doces tentações oferecidas pelos meus sentidos e memorias. Muitas são as noites que sou visitado por dias do meu passado recheados de provocações inquietas que parecem não ter fim. E o mais gostoso é saber que tudo aquilo que vive como ator principal pode ser visto e revisto com a mesma emoção e alegria de um filme com história real.